Prefeitura do Rio inicia obras do Terminal Intermodal Gentileza – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro – prefeitura.rio

O Terminal Intermodal Gentileza vai funcionar no antigo terreno do Gasômetro, na Região Portuária – Beth Santos/Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, acompanhou o início das obras do Terminal Intermodal Gentileza (TIG), no antigo terreno do Gasômetro, na Região Portuária, nesta quinta-feira (21/7). As edificações que restavam na parte desapropriada do terreno começaram a ser demolidas. As obras da plataforma do BRT avançam do lado de fora do terreno e, agora, se juntam à construção do terminal. Todo o sistema será finalizado até o fim de 2023 com a entrega das plataformas do VLT e dos ônibus municipais regulares.

 

– Aqui vai ser o verdadeiro terminal de integração da Transbrasil. Teremos a integração total com o VLT. O passageiro chega de BRT e, se for para o Centro, pode pegar o VLT. Se for para a Zona Sul ou Tijuca, pega um ônibus. A Transbrasil vai se encontrar com a Transolímpica em Deodoro, com a Transcarioca na altura de Ramos e com o VLT no Terminal Gentileza. Estes modais de transporte não só foram destruídos nos últimos quatro anos como também não foram integrados. Com eles, as pessoas terão suas vidas facilitadas, com bilhete integrado. Quem pegar um BRT não vai precisar pagar um novo bilhete para o VLT. Com o novo modelo de bilhetagem e subsídio, a Prefeitura vai conseguir fazer essa integração – afirmou Eduardo Paes.

 

A entrega está prevista para acontecer em etapas. O primeiro modal a entrar em operação será o BRT. Em seguida, os ônibus municipais passarão a fazer ponto final no local. Por último, será entregue a extensão do VLT, toda a estrutura do terminal e entorno no último trimestre de 2023. Circularão por hora no local até 95 ônibus do BRT, 21 composições do VLT e 137 ônibus municipais.

O Terminal Intermodal Gentileza vai integrar o BRT Transbrasil, 22 linhas de ônibus municipais e as linhas 1 e 2 do VLT, que será estendido por cerca de 700 metros até a área do antigo Gasômetro. A estimativa é que mais de 130 mil pessoas passem pelo terminal todos os dias integrando com o BRT, ônibus convencional e VLT.

As obras vão custar R$ 250 milhões e a estrutura metálica será de material reaproveitado do Centro Internacional de Transmissão (IBC), localizado no Parque Olímpico e utilizado durante a Rio 2016. A desmontagem das colunas segue o cronograma e deve ser finalizada até setembro.

 

– Das 130 mil pessoas previstas para passarem pelo terminal diariamente, metade deve pegar o VLT e a outra metade nos ônibus municipais. Queremos fazer uma integração de qualidade e conforto num terminal bastante amplo, em que os passageiros vão subir uma plataforma e escolher o modal em que vão integrar – disse o presidente da Companhia Carioca de Parcerias e Investimentos (CCPar), Gustavo Guerrante.

 

O nome e o projeto do Terminal fazem referência a José Datrino, o Profeta Gentileza. Ele ficou conhecido pelas inscrições que eternizou nas colunas dos viadutos do Gasômetro e da Perimetral. A mais famosa delas é a frase Gentileza gera Gentileza que hoje estampa camisetas, adesivos e, com a inauguração do TIG, também suas paredes.

BRT Transbrasil

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria de Infraestrutura, retomou a obra do BRT Transbrasil em agosto do ano passado. A obra ficou paralisada ao longo da última gestão e, atualmente, segue o cronograma previsto. A obra termina no final deste ano e o investimento total é de R$ 1,89 bilhão.

No total, serão 18 estações, quatro terminais – Deodoro, Margaridas, Missões e o intermodal Gentileza – e mais 22 intervenções como viadutos e alargamentos de pistas ao longo de 25 km de via. As estações já estão tomando forma, várias passarelas da Avenida Brasil foram substituídas e algumas estão na fase de fundação e fabricação para posterior colocação.

Os terminais Margaridas e Missões já estão em fase avançada e o de Deodoro teve a concretagem da laje da primeira etapa finalizada e agora segue com a execução da segunda etapa da superestrutura, onde estão sendo lançadas 15 vigas, variando entre 58 e 90 toneladas, comprimento entre 17 e 24m, com o apoio do guindaste com capacidade de 450 toneladas.

Compartilhe

Categoria:

  • Cidade
  • Notícias
  • Transportes
  • 21 de julho de 2022
  • Marcações: Companhia Carioca de Parcerias e Investimentos obras Prefeitura do Rio Terminal Intermodal Gentileza Transportes

    Notícias

    Tablado inferior do Elevado das Bandeiras será fechado para manutenção de rotina

    21 de julho de 2022

    Prazo para credenciamento de moradores do entorno do Rock in Rio termina segunda-feira

    21 de julho de 2022

    Centro de Operações lança instituto para capacitar colaboradores e parceiros no ambiente de trabalho

    21 de julho de 2022

    Prefeitura e ABL inauguram placas em homenagem a Machado de Assis e Austregésilo de Athayde

    20 de julho de 2022

    Rio gerou uma média de 7,1 mil novos empregos formais por mês desde janeiro de 2021

    20 de julho de 2022

    < Voltar

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *